Novembro

Compartilhe:

Festa de Nossa Senhora D’Ajuda – no mês de novembro Cachoeira se fantasia para brincar na Festa de Nossa Senhora D’Ajuda, que homenageia a padroeira da primeira capela construída na cidade. A comemoração à santa possui uma programação religiosa com Tríduo, procissão e lavagens, mas a parte profana é a grande responsável pelo enorme sucesso dos festejo católico. Uma das marcas da sua fama é a criatividade presente nas mais variadas fantasias dos foliões. Além dos tradicionais mandús, cabeçorras e pierrôs, a irreverência de outras fantasias modernas e descontraídas também é receita certa para a animação. A celebração é aberta pelo bando anunciador. Uma semana depois, o Terno do Silêncio, sai do Largo D’Ajuda à meia noite com um objetivo: fazer o maior barulho possível. Na manhã do domingo, acontece a lavagem das escadarias da Capela de Nossa Senhora D’Ajuda. A comemoração segue com os Ternos do Acarajé, das Cozinheiras, das Crianças e das Malandrinhas. O momento mais aguardado, no entanto, é a madrugada de sábado para domingo, quando às 5h, o Terno da Alvorada enfim ganha as ruas. Para quem ainda têm fôlego, o Terno da Saudade desfila encerrando os festejos e deixando o convite para o próximo ano. Festa de Santa Cecília – comemorada com missa e apresentações, a festa é organizada e embalada pelos grupos da Filarmônica Lyra Ceciliana em devoção à santa católica padroeira dos músicos. No passado a festa acontecia de maneira semelhante à Festa D’Ajuda, mas com o passar dos anos o evento perdeu força, voltando a ser realizado em há alguns anos com a força de devotos da comunidade local.

Comente: